Nas ruas
30/07/2012

Fila de pacientes nas AMAs 24 horas é maior de noite

Paula Felix
do Agora

O principal problema das AMAs (Assistências Médicas Ambulatoriais) 24 horas de São Paulo é a demora no atendimento -especialmente de noite, quando há acúmulo de pacientes do período da tarde. A espera pode ultrapassar duas horas.

Na segunda e na terça da semana passada, o Vigilante Agora visitou 14 AMAs 24 horas, que atendem baixa e média complexidade (como dor de cabeça e contusões) em horários estendidos.

As unidades contam com clínicos e pediatras. A cidade tem 119 AMAs, que funcionam, geralmente, das 7h às 19h. Dessas, 17 são 24 horas.

A dona de casa Tatiana Luzia, 18 anos, estava com dor no peito e foi à AMA Ermelino Matarazzo (zona leste).

Ela chegou às 23h17 e só foi atendida duas horas e vinte minutos depois. Tatiana foi acompanhada pelo vizinho, o atendente Flavio Augusto, 18 anos.

"O melhor horário é de madrugada, mas ainda precisa melhorar muito, porque demorou", disse ele.

Resposta

A Secretaria Municipal da Saúde informou que o tempo de espera para uma consulta nas AMAs costuma variar de acordo com a procura dos pacientes e com a gravidade dos casos --as emergências têm prioridade.

A pasta destacou que, durante o inverno, há aumento de até 40% na procura de atendimento para problemas respiratórios.

Em relação à criança atendida na AMA Pirituba, cuja mãe reclamou da falta de atenção dos médicos, a secretaria informou que a menina foi avaliada, "inclusive descartando a possibilidade de meningite e diagnosticando amigdalite".

A pasta disse ainda que foram receitados medicamentos para a paciente.

Sobre a AMA Paraisópolis, onde a reportagem encontrou pacientes que foram atendidos por um pediatra após espera de duas horas, a secretaria afirmou que dados levantados no mês passado apontaram que o tempo médio de espera, entre a chegada do paciente e o atendimento médico, foi de 36 minutos na unidade.

A pasta não comentou a confusão entre pacientes e recepcionistas na AMA Hospital Tatuapé nem o caso da paciente com dor na mão que não foi atendida por um clínico-geral na AMA Hospital Dr. Arthur Ribeiro Saboya, no Jabaquara.

  • Leia esta reportagem completa na edição impressa do Agora nesta segunda, 30 de julho, nas bancas

Leia mais

Índice

PUBLICIDADE

23/10/2017

Adolescente baleada corre risco de ficar paraplégica

Hospital São Paulo está sem tomógrafo e kits de exames

Doria faz propaganda de empresa que deve imposto

Avenidas têm três grandes falhas no asfalto a cada 2 km

Notificação por mensagem de celular pode valer no prédio

22/10/2017

Menopausa precoce põe em risco o sonho da maternidade

Medo e depressão marcam vida de vítimas de tragédia

Motorista embriagado mata dois jovens em bicicleta

Remo vira atividade de lazer e saúde para idosos

Paulistanos não conseguem ter internet fixa em casa

'Já perdoei', diz pai de garoto morto por colega

21/10/2017

Morte de macaco por febre amarela fecha Horto Florestal

Torturados pelo tráfico são presos por morte de meninas

Ele apontou para mim, mas virou, diz colega de atirador

Aluno mata dois colegas e fere quatro a tiros em escola de Goiânia

Polícia detém 108 suspeitos de pedofilia em todo o país

20/10/2017

Corpos das duas meninas mortas são identificados

Facção criminosa paulista fornecia fuzis a bandidos da Rocinha

Laudo da prefeitura aponta problemas estruturais em CEU

Doria desiste de servir a comida em pó na merenda

Prefeitura atrasa entrega de leite para 208 mil crianças

19/10/2017

MEC libera Prouni para o professor que é formado

Supremo decide hoje se gay pode ser doador de sangue

Monotrilho de Alckmin até Congonhas dará prejuízo

Doria afirma que vai servir comida em pó na merenda

Multa de trânsito poderá ser paga no cartão de crédito

Vigilante mata ex-mulher e se suicida em Artur Alvim

18/10/2017

Falso policial dos Jardins é reconhecido por 24 mulheres

Acusações sobre a PM podem levar a 200 quebras de sigilo

Tábua dificultava entrada de meninas em baú de veículo

Mercado não pode cobrar por sacola com propaganda

Modelo sofre queimaduras em sessão de bronzeamento

Agressões a motoristas de ônibus crescem na capital

17/10/2017

Quadrilha mata policial em mega-assalto

Tráfico tortura dupla após morte de meninas em favela

Comida para pobres proposta por Doria é alvo de polêmica

Subprefeitura não recolhe carros abandonados na rua

Fila de exames de 30 dias só em 2020, prevê prefeitura

16/10/2017

Síndicos precisam redobrar cuidados com documentação

Polícia mata 1 adolescente por semana na periferia

4 terreiros foram alvos de ataque no Estado desde maio

Abandonado, parque na zona leste tem lago de lama

Ônibus na periferia são sujos, quentes e não têm internet

15/10/2017

Jovem é preso por matar ex-namorada de 16 anos

Crianças devem evitar sucos industrializados e refrigerantes

Garotos pegam pistola de ex-PM e um morre baleado

Bairro da zona leste ganha aplicativo para reclamações

Novo homem-placa distribui folheto em rua movimentada

Inseminação dentro de casa é barata e cria polêmica

14/10/2017

Moradores querem expulsar novo albergue da Barra Funda

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).