Nas ruas
23/04/2012

Transporte escolar gratuito é bom, mas precisa de ajustes

Paula Felix e Tatiana Santiago
do Agora

O TEG (Transporte Escolar Gratuito) foi criado pela Prefeitura de São Paulo para facilitar o acesso de estudantes deficientes ou que moram a mais de 2 km das escolas de ensino infantil e fundamental.

Atualmente, 77.805 alunos são atendidos pelo programa que conta com quase 2.000 veículos, entre convencionais e adaptados para deficientes.

Em quatro dias, o Vigilante Agora percorreu 11 escolas da capital, de todas as regiões, encontrando unidades onde o serviço funciona bem e outros onde os critérios de seleção não são obedecidos.

Na zona oeste, o pai de um aluno de dez anos que mora a 2,4 km da escola não conseguiu o TEG e desistiu.

No Alto da Lapa (zona oeste), uma das cinco vans do serviço não estava identificada e alunos que moram a mais de 2 km não conseguiram vagas.

Resposta

A Secretaria Municipal da Educação informou, por nota, que abre prazo para que os pais busquem a escola e solicitem o transporte, por meio de uma ficha a ser preenchida todos os anos.

A pasta disse que o número de crianças atendidas pelo programa caiu nos últimos anos, porque os alunos estão sendo matriculados perto de casa. Afirmou ainda que o número de veículos e de alunos deficientes atendidos aumentou.

Sobre o caso de Silene de Sousa, que leva o filho deficiente no colo para a escola na Bela Vista, a pasta afirmou que "escola entrará em contato com a família para providenciar o atendimento".

Para o caso do pai que desistiu do TEG na zona oeste, a secretaria sugeriu que ele preencha o formulário. A pasta disse que a doméstica Rubergane dos Santos e as demais mães que moram na zona norte devem solicitar o TEG na escola da Lapa.

O carro sem identificação que atende a unidade foi orientado a se regularizar.

Sobre a situação do filho de Rosangela Rodrigues, que estuda na zona leste, a pasta informou que havia uma rua movimentada e sem um local seguro para travessia perto da casa da família, mas que obras recentes resolveram o problema.

"Houve diminuição no tráfego e a rua Dr. José do Amaral deixou de ser considerada uma barreira física. Como os alunos moram a um quilômetro da escola, eles não têm direito ao benefício.

Em relação às escolas do Campo Limpo, que transportam um número pequeno de alunos, a pasta disse que as vans levam alunos de outras unidades e preenchem a capacidade.

  • Leia esta reportagem completa na edição impressa do Agora nesta segunda, 23 de abril, nas bancas

Leia mais

Índice

PUBLICIDADE

26/04/2017

Bruno se entrega à polícia após STF pedir volta à prisão

Polícia prende 10 e recupera R$ 4,6 mi após mega-assalto

Imagens exibem traficantes com bolo de dinheiro na rua

Pedestre de 75 anos morre atropelado na marginal Tietê

Gestão Doria suspende obras de CEUs por quatro meses

25/04/2017

Mais uma agência fechada do Banco do Brasil é saqueada

Modelos acusam donos da "Playboy" no Brasil de assédio

Bombeiro civil é morto em arrastão em Carapicuíba

Usuários do cartão BOM terão desconto em farmácias

Facção de SP é suspeita de mega-assalto no Paraguai

24/04/2017

Caixa de correio ajuda na organização e diminui o custo

Pilar do Sul vive madrugada de pânico com tiros e explosões

Universitário de 18 anos cria cursinho gratuito em CEU

Doria conquista evangélicos e é visto como presidenciável

Faixas de ônibus sofrem com buracos e sinalização falha

23/04/2017

Vida útil dos alimentos é maior com a geladeira organizada

Incor faz 40 anos e abre pronto-socorro de ponta

Nova geração de coreanos dá ar moderno ao Bom Retiro

Acelerado, Doria provoca queixas e olheiras na equipe

Prisão por terrorismo tem de assassinato a greve de fome

22/04/2017

SPTrans muda regra do Bilhete do Estudante

PM afasta 4 suspeitos de espancar e matar adolescente

Crise, Uber e novos hábitos esvaziam estacionamentos

Sem-teto faz casa mobiliada no centro

Fim das ciclovias em frente a lojas divide comerciantes

Em seis anos, capital perde 1 de cada 4 leitos pediátricos

21/04/2017

Homem é morto ao reagir a roubo

Aluno de creche fica sem aula por atraso em repasse

Grafites cobertos por tinta ressurgem na 23 de Maio

Biblioteca Mário de Andrade deixa de funcionar 24 horas

Remoção de ciclovias será maior na periferia, diz Doria

20/04/2017

Em carta, jovem afirma que ideia de se matar foi dele

Polícia apreende 3 t de comida vencida no Walmart

Em crise, Hospital São Paulo ameaça fechar mais alas

Doria vai mudar ciclovias e adotar rota sem separação

Cresce número de mortes em acidentes no trânsito

19/04/2017

Jovem encontrada morta assistiu a série sobre suicídio

9 em cada 10 donos de Táxi Preto devem à prefeitura

Enfermeiro é acusado de espancar idosa em hospital

Novo secretário da capital tem estilo acelerado de Doria

Aumentam os pedidos de reparo em estações do metrô

18/04/2017

Caçambeiros fazem protesto na prefeitura

Polícia suspeita que casal fez pacto de morte em hotel

Crescem multas por invasão a faixa de ônibus em janeiro

Soninha Francine deixa a pasta de Assistência Social

Doria divulga lista incompleta de doações no Facebook

Fila da creche ganha quase 23 mil nomes na gestão Doria

17/04/2017

Síndico é peça-chave para resolver briga entre prédios

Mulher é esquartejada após encontro com ambulante

Crise faz imigrante trocar Brasil por outros países

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).