Nas ruas
15/05/2017

Só há prisão em 1 de cada 5 casos investigados em SP

Folha de S.Paulo

Somente resulta em prisão um em cada cinco inquéritos policiais abertos pelo departamento que investiga homicídios em São Paulo.

Essa radiografia do braço da Polícia Civil, subordinada ao governo de Geraldo Alckmin (PSDB), aparece em dados de produtividade obtidos pela reportagem por meio da Lei de Acesso à Informação.

Para entender os motivos desse cenário, a reportagem conversou com policiais e especialistas na área.

Segundo eles, o quadro atual do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) é resultado de uma equação composta por falta de estrutura e de verba para investigações, baixa renovação, reduzida reciclagem do efetivo e práticas pouco eficazes de atuação.

Resposta

O governo Geraldo Alckmin (PSDB), por meio da Secretaria da Segurança Pública, afirma que o DHPP resolveu 40% dos homicídios em 2016 e que foram esclarecidos 260 de 642 inquéritos de homicídio em 2016.

Afirma ainda que o total de prisões foi de 372, mas não discrimina quais são relacionadas a homicídios.

Diz que há vários tipos de crimes investigados, como de desaparecimentos, que podem não resultar em prisão, mas não detalha qual é o percentual de cada crime no total de inquéritos.

A reportagem fez vários questionamentos na quarta-feira, mas a nota na sexta não respondia algumas.

Por telefone também não foram esclarecidas.

Não diz, por exemplo, que que tipos de casos estão entre os 1.994 inquéritos abertos em 2016.

'Importante salientar que os casos de homicídios investigados pelo DHPP não apontam qualquer indício de autoria ou motivação no momento do registro, o que torna o trabalho de investigação mais árduo e duradouro", afirma.

A pasta diz também que qualquer comparação entre o DHPP e o Denarc é "inadequado" e "equivocado", pelas naturezas distintas dos departamentos.

Sobre orçamento, diz que a reportagem ignora que parte do valor dado ao Denarc vai para outras ações.

A respeito da morte de Peterson Silva de Oliveira, o governo afirma que quando caso voltar do fórum e, últimos laudos serão anexados.

Diz que corregedoria afastou os PMs envolvidos.

A família diz que estão na ativa.

  • Leia esta reportagem completa na edição impressa do Agora, nas bancas nesta segunda, 15 de maio, nas bancas

Índice

PUBLICIDADE

22/07/2017

Jovem é morto a pedradas em Taipas, afirma família

Laudo aponta falhas em obra parada de posto de saúde

Prefeitura alarga rua, e poste fica no meio do caminho

Cresce número de multas por falta de seta na capital

21/07/2017

Acusada de dar golpes até para colocar silicone é presa

Doria vai completar um mês fora do país desde a posse

Justiça manda fechar prédio centenário ao lado da Luz

Postos de saúde municipais voltam a ficar sem remédios

20/07/2017

Polícia prende suspeito de matar fundador da Mancha

Polícia detém quatro por estupro coletivo no interior

Prefeitura vai cortar doce e salsicha da merenda escolar

Mortes no trânsito crescem 24% em junho na capital

Prefeitura remove barracos de moradores de rua no frio

19/07/2017

Jovem que furtava livros é preso com 379 exemplares

Rapaz é preso por aliciar jovens para jogar Baleia Azul

Temperatura despenca e a sensação térmica chega a 4°C

Estudante de curso semestral deve renovar o passe livre

Sem grana, obra do hospital de Parelheiros está parada

18/07/2017

Juíza manda madrasta de Isabella para o semiaberto

Advogado é liberado pela Justiça após pagar fiança

Frio volta e capital deve ter temperatura mínima de 8°C

Parque do Carmo sofre com lixo, mato alto e abandono

Vizinhos de hospital para bichos reclamam de sujeira

17/07/2017

Prédio ocupado por sem-teto nos Jardins opõe vizinhos

Faltam opções de comida saudável e barata em parques

Quatro bairros da zona leste têm mais mortes em assalto

Dúvidas no ensino médio

Cemitérios têm lixo, túmulos quebrados e até cracolândias

Prédio pode proibir plantas na sacada se houver perigo

16/07/2017

Ônibus dá corte de cabelo de graça para moradores de rua

Festas de reggae com DJ ganham força na periferia

Casa de Doria é pichada em protesto contra privatizações

Lista do auxílio-aluguel tem indícios de fraude na capital

Fratura de fêmur é o que mais preocupa na queda de um idoso

15/07/2017

PM condenado por tortura volta às ruas como capitão

Advogado é preso após bater carro e matar comissário

Qualidade do ar piora após 30 dias sem chuva na capital

Hidrante de rua não funciona, e Justiça determina troca

14/07/2017

PMs usaram força exagerada com catador, diz corregedor

Palmeirense é esfaqueado e morto por corintianos

Onda de furtos na zona leste deixa carros sem as rodas

Após cortes, Doria anuncia R$ 10 mi para tapa-buraco

AMA no Jaraguá é primeira a atender como posto de saúde

13/07/2017

Catador é morto com dois tiros por PM em Pinheiros

Ciclista é esfaqueado em assalto na ciclovia da Radial

Dupla armada em moto faz arrastão em ruas da zona sul

Tribunal manda empresas taparem 6.862 buracos em SP

Motoristas e aplicativos criticam regra da prefeitura

12/07/2017

Ex-namorado mata garota na frente da mãe e das filhas

Aplicativo só poderá ter carro da capital

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).