Nas ruas
07/03/2010

Mulheres avançam em profissões masculinas

Folha de S.Paulo

Nos últimos 30 anos, as mulheres aumentaram sua presença em ocupações tradicionalmente masculinas. Mas o inverso não ocorreu e profissões consideradas majoritariamente femininas permanecem com um baixo percentual de homens atuantes.

A constatação é da pesquisadora Regina Madalozzo, do Insper, que comparou na Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, do IBGE) o percentual de mulheres em 21 ocupações entre os anos de 1978 e 2008.

No final da década de 70, menos de um quinto dos advogados e médicos eram mulheres. Hoje, elas são quase metade dos profissionais dessas áreas.

Algumas carreiras seguem altamente masculinas, mas, mesmo nelas, é possível identificar aumento da participação feminina. Entre engenheiros, por exemplo, a proporção foi de 5% para 11%. Entre os motoristas, o número de mulheres continua pequeno --o crescimento de 1978 a 2008 foi de 0,2% para 1,4%. Maria Aparecida Lemos, 40 anos, dirige ônibus há nove anos e afirma que, no começo, alguns passageiros faziam sinal para que ela parasse, mas não subiam.

Ela trabalha na mesma empresa que Maria Machado, 33 anos, que também notou reações estranhas. "No Carnaval passado, turistas pediram para tirar uma foto comigo ao me verem no volante."

Papéis trocados
Se elas demonstram vontade e capacidade de atuar em ocupações onde eram minoria, o mesmo não se deu com os homens em relação a áreas majoritariamente femininas.

Em 30 anos, houve pouca alteração nos percentuais masculinos de enfermeiros, professores, profissionais de creche ou costureiros.

"Embora ganhando menos que os homens nas mesmas ocupações, as mulheres estão entrando em áreas tradicionalmente masculinas. Eles, no entanto, não aceitam, ou não são bem aceitos, em profissões dadas como femininas", afirma Regina Madalozzo.

A desigualdade entre os salários de homens e mulheres diminuiu no Brasil nos últimos 30 anos, mas o diferencial é, quase sempre, favorável aos homens. Dados tabulados a partir da Pnad de 2008 mostram que, de um total de 61 ocupações analisadas, em apenas seis o rendimento das mulheres por hora de trabalho superava o de homens.

Mesmo em profissões em que a participação masculina é inferior a 20%, como o secretariado, o rendimento delas é, em média, menor.

Nas poucas áreas em que as mulheres têm rendimentos maiores, Regina Madalozzo explica que, frequentemente, isso ocorre porque o nível de escolaridade delas é superior ao dos homens na mesma profissão.

Índice

PUBLICIDADE

06/02/2016

Mocidade e Peruche enaltecem o samba

Vai-Vai busca o bi com a luz e o brilho da França

Pérola enfrenta chuva no primeiro desfile da noite

Musas do samba pegam busão e trabalham duro

Dupla mata PM depois de achar crachá

Negras são misses em Santa Catarina

Cobrança em estacionamento será feita a cada 15 minutos

Idosos perdem visão após mutirão de catarata no ABC

Prefeitura prepara rua, mas não coloca asfalto novo

Estudo encontra vírus ativo do zika na saliva e na urina

05/02/2016

Grupo é preso sob suspeita de assassinatos no Grajaú

Igreja critica aborto por microcefalia

Japonesa descobre causa da calvície

Creche fecha e 220 alunos ficam sem vaga na zona leste

04/02/2016

Caderno fala sobre Carnaval

Bafômetro é arma contra vereadores

Polícia identifica suspeito de matar mulheres na zona sul

Mulher quebra mandíbula ao cair na ciclovia da Pacaembu

Com filas, bilhetes do metrô são revendidos por até R$ 5

Polícia faz blitze para evitar guerra entre taxistas e Uber

Capital confirma 5 casos de zika e investiga outros 10

03/02/2016

Tribunal de Justiça libera serviços do Uber na capital

Estados Unidos têm caso de zika transmitido por sexo

Moradores reclamam de lixo a céu aberto no Butantã

Ateou fogo em casa ao matar barata

Recarregar Bilhete Único no metrô está ainda mais difícil

02/02/2016

Homem é espancado após invadir banheiro de parque

Propina da merenda escolar pode ter ido para campanha

Motoristas criticam nova faixa de ônibus

Postinhos de ciclovias podem virar criadouro do aedes

ONU declara emergência mundial contra microcefalia

01/02/2016

Intestino irritável atrapalha a digestão e causa dores

Ônibus têm faixa exclusiva a partir de hoje no Morumbi

Jovem é presa acusada de ajudar a matar a irmã

Multidões tomam as ruas atrás de blocos na capital

Pacientes esperam 1 mês por consulta com dentista

Cidades da Grande SP ainda sofrem com falta d'água

31/01/2016

Multidão invade ruas da Vila Madalena após blocos

Comer frituras pode causar doenças do coração e câncer

Menina que caiu do 5º andar de prédio tem alta

Grávida aborta sem teste de microcefalia

Vigilância do vizinho é arma contra a dengue em Cajamar

Depois das cidades, ciclistas conquistam as estradas

30/01/2016

Marginal Tietê terá trecho a 40 km/h

Alceu Valença anima desfile de blocos no Ibirapuera hoje

Contra Uber, taxistas cercam e atacam carros pretos

Adolescente de 14 anos mata menino para roubar celular

UTI de hospital ganha leitos, mas nem todos funcionam

Garota morre depois de ter febre transmitida pelo Aedes

29/01/2016

Polícia apura assassinatos de três mulheres no Grajaú

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).