Nas ruas
07/03/2010

Mulheres avançam em profissões masculinas

Folha de S.Paulo

Nos últimos 30 anos, as mulheres aumentaram sua presença em ocupações tradicionalmente masculinas. Mas o inverso não ocorreu e profissões consideradas majoritariamente femininas permanecem com um baixo percentual de homens atuantes.

A constatação é da pesquisadora Regina Madalozzo, do Insper, que comparou na Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, do IBGE) o percentual de mulheres em 21 ocupações entre os anos de 1978 e 2008.

No final da década de 70, menos de um quinto dos advogados e médicos eram mulheres. Hoje, elas são quase metade dos profissionais dessas áreas.

Algumas carreiras seguem altamente masculinas, mas, mesmo nelas, é possível identificar aumento da participação feminina. Entre engenheiros, por exemplo, a proporção foi de 5% para 11%. Entre os motoristas, o número de mulheres continua pequeno --o crescimento de 1978 a 2008 foi de 0,2% para 1,4%. Maria Aparecida Lemos, 40 anos, dirige ônibus há nove anos e afirma que, no começo, alguns passageiros faziam sinal para que ela parasse, mas não subiam.

Ela trabalha na mesma empresa que Maria Machado, 33 anos, que também notou reações estranhas. "No Carnaval passado, turistas pediram para tirar uma foto comigo ao me verem no volante."

Papéis trocados
Se elas demonstram vontade e capacidade de atuar em ocupações onde eram minoria, o mesmo não se deu com os homens em relação a áreas majoritariamente femininas.

Em 30 anos, houve pouca alteração nos percentuais masculinos de enfermeiros, professores, profissionais de creche ou costureiros.

"Embora ganhando menos que os homens nas mesmas ocupações, as mulheres estão entrando em áreas tradicionalmente masculinas. Eles, no entanto, não aceitam, ou não são bem aceitos, em profissões dadas como femininas", afirma Regina Madalozzo.

A desigualdade entre os salários de homens e mulheres diminuiu no Brasil nos últimos 30 anos, mas o diferencial é, quase sempre, favorável aos homens. Dados tabulados a partir da Pnad de 2008 mostram que, de um total de 61 ocupações analisadas, em apenas seis o rendimento das mulheres por hora de trabalho superava o de homens.

Mesmo em profissões em que a participação masculina é inferior a 20%, como o secretariado, o rendimento delas é, em média, menor.

Nas poucas áreas em que as mulheres têm rendimentos maiores, Regina Madalozzo explica que, frequentemente, isso ocorre porque o nível de escolaridade delas é superior ao dos homens na mesma profissão.

Índice

PUBLICIDADE

29/11/2014

Zona norte lidera redução de gasto de água na capital

Lama de obra da CDHU toma casas após chuva na zona sul

IPTU alto deve expulsar moradores do centro

Piloto diz a passageiros que está exausto e cancela voo

Dona de casa é assassinada por ladrões

28/11/2014

Sabesp tem autorização para reajustar a água em 6,49%

Bando invade bingo ilegal e faz sete reféns

Poste da avenida São João fica torto após batida de carro

Rio Tietê amanhece preto e peixes morrem no interior

Após ameaças, ônibus param na zona leste

Comércio ameaça subir preços para compensar alta no IPTU

27/11/2014

Ladra do test drive é presa no Paraná

Justiça libera reajuste de até 30% no IPTU do ano que vem

Empresas da Paulista ficam vazias com medo de avião

Chuva não alivia Cantareira

Acidente deixa 11 feridos

26/11/2014

Vidente volta atrás e diz que avião da TAM não vai cair

Bandidos impõem toque de recolher e fecham Rodoanel

Poste fica no meio de rua após obra

Chuva causa alagamentos em São Paulo

Mortes em assaltos têm alta no Estado e na capital

25/11/2014

Invasões feitas por sem-teto triplicam na gestão Haddad

Moradores reclamam de desativação de base da PM

Bebê sobrevive 5 dias em bueiro

Faixa azul ao lado de ciclovia causa confusão na zona sul

Ladrão mata corretora com tiro no peito na Vila Prudente

Família acusa hospital por morte de grávida e bebê

24/11/2014

Novas ciclovias trazem bons negócios para São Paulo

Piscinões da capital estão abandonados e com lixo

Modelo de 24 anos vive na cracolândia

Assaltantes invadem dois prédios comerciais na capital

Anticoncepcionais ajudam a evitar gravidez por até dez anos

23/11/2014

Prefeitura amplia ruas com velocidade limite de 40 km/h

Bastão que ajuda a fazer autorretrato vira mania

Ciclista processa Toyota por foto em anúncio

Candidato da Fuvest não deve perder o ritmo na reta final

PMs matam três em roubo em Osasco

Água oxigenada e pó de café podem prejudicar machucados

22/11/2014

Sem-teto invadem prédio do Minha Casa Minha Vida

Motoristas reclamam de lombada sem sinalização

Pichador morre ao cair do 5º andar de prédio no centro

Bandidos ferem policiais e fazem pai e filha reféns em Itu

Mega-Sena sorteia maior prêmio hoje

Haddad abandona faixas de bicicleta feitas por Kassab

21/11/2014

Panes em semáforos por furto de fios explodem na capital

Samuel Klein, fundador das Casas Bahia, morre aos 91 anos

TAM muda número de voo após previsão de vidente

Público pega fila de mais de 2 horas para ver exposição

Quatro são mortos após PM ser assassinado no Guarujá

20/11/2014

Nova favela da cracolândia cresce em ruas do centro

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).