Nas ruas
07/03/2010

Mulheres avançam em profissões masculinas

Folha de S.Paulo

Nos últimos 30 anos, as mulheres aumentaram sua presença em ocupações tradicionalmente masculinas. Mas o inverso não ocorreu e profissões consideradas majoritariamente femininas permanecem com um baixo percentual de homens atuantes.

A constatação é da pesquisadora Regina Madalozzo, do Insper, que comparou na Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, do IBGE) o percentual de mulheres em 21 ocupações entre os anos de 1978 e 2008.

No final da década de 70, menos de um quinto dos advogados e médicos eram mulheres. Hoje, elas são quase metade dos profissionais dessas áreas.

Algumas carreiras seguem altamente masculinas, mas, mesmo nelas, é possível identificar aumento da participação feminina. Entre engenheiros, por exemplo, a proporção foi de 5% para 11%. Entre os motoristas, o número de mulheres continua pequeno --o crescimento de 1978 a 2008 foi de 0,2% para 1,4%. Maria Aparecida Lemos, 40 anos, dirige ônibus há nove anos e afirma que, no começo, alguns passageiros faziam sinal para que ela parasse, mas não subiam.

Ela trabalha na mesma empresa que Maria Machado, 33 anos, que também notou reações estranhas. "No Carnaval passado, turistas pediram para tirar uma foto comigo ao me verem no volante."

Papéis trocados
Se elas demonstram vontade e capacidade de atuar em ocupações onde eram minoria, o mesmo não se deu com os homens em relação a áreas majoritariamente femininas.

Em 30 anos, houve pouca alteração nos percentuais masculinos de enfermeiros, professores, profissionais de creche ou costureiros.

"Embora ganhando menos que os homens nas mesmas ocupações, as mulheres estão entrando em áreas tradicionalmente masculinas. Eles, no entanto, não aceitam, ou não são bem aceitos, em profissões dadas como femininas", afirma Regina Madalozzo.

A desigualdade entre os salários de homens e mulheres diminuiu no Brasil nos últimos 30 anos, mas o diferencial é, quase sempre, favorável aos homens. Dados tabulados a partir da Pnad de 2008 mostram que, de um total de 61 ocupações analisadas, em apenas seis o rendimento das mulheres por hora de trabalho superava o de homens.

Mesmo em profissões em que a participação masculina é inferior a 20%, como o secretariado, o rendimento delas é, em média, menor.

Nas poucas áreas em que as mulheres têm rendimentos maiores, Regina Madalozzo explica que, frequentemente, isso ocorre porque o nível de escolaridade delas é superior ao dos homens na mesma profissão.

Índice

PUBLICIDADE

27/08/2016

Jovem fica preso em vaso sanitário

Ônibus sobem em calçada de rua estreita

Preso suspeito de nove estupros na zona leste

Vereadores aprovam lei que proíbe cigarro em parques

Avenida Aricanduva tem os cruzamentos mais perigosos

26/08/2016

Passageira é atacada com seringa na estação Paraíso

Falhas graves no metrô mais que dobram em cinco anos

Chinelos afastam mosquito da zika

UPA de Haddad vai funcionar com gerador por dez dias

25/08/2016

Planeta habitável próximo da Terra

Prefeitura tira moradores de rua da praça Princesa Isabel

Academia da terceira idade está em mau estado

Grávida é morta após grupo cortar barriga e levar bebê

Vereadores presos por fraude em contratação de servidores

Taxistas circulam sem tabela no 1º dia de tarifa única

24/08/2016

Contrato de iluminação acaba e Guarulhos fica no escuro

Passageiros sofrem para resolver queixas na SPTrans

Rua recapeada há dois meses não tem sinalização

Russomanno e Marta saem na frente na disputa da capital

23/08/2016

Haddad, Marta e Doria trocam acusações no primeiro debate

Ciclista é agredida e roubada na ciclovia da av. Sumaré

Passageiro toma chuva após prefeitura fechar terminal

Paciente tem alta e furta ambulância

Mar invade avenida e prédios e arrasta carros em Santos

22/08/2016

Crise aumenta número de dependentes por álcool

Russomanno pode faltar a 1º debate na TV

Temperatura cai e frio deve durar até sexta na capital

Motorista sem habilitação invade ponto e mata mulher

Prefeitura fecha amanhã posto de saúde em Itaquera

Pedestres correm risco ao usar pontes das marginais

Crise aumenta número de dependentes por álcool

Limitar visitantes em área comum é saída para conflitos

21/08/2016

Falta de integração prejudica programas na cracolândia

Valor de bens de candidatos é maior que o declarado

Por renda extra, camelôs lotam vagões da CPTM

Ricas e belas competem em prova em Barretos

Idosos lotam largos e praças para jogar dominó e baralho

Paulista ganha status de avenida dos artesanatos

Frio e ar seco podem abrir brecha para doenças na pele

20/08/2016

Marta propõe ressuscitar bandeiras da gestão Kassab

Macacos também conseguem sorrir

Luzes de rua ficam acesas de dia no Jaraguá

Ladrão mata policial civil em roubo em saída de banco

Semáforo de pedestres é o campeão de multas na capital

Táxi da capital cobrará menos por corrida para a Grande SP

19/08/2016

Preso suspeito de roubar chocolates

Vendaval tomba contêineres e deixa um ferido em Santos

Russomanno diz que não reduzirá tarifa de ônibus

Bandos fazem consórcio para roubar empresas de valores

Pancadões universitários desafiam a prefeitura e a PM

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).