Nas ruas
07/03/2010

Mulheres avançam em profissões masculinas

Folha de S.Paulo

Nos últimos 30 anos, as mulheres aumentaram sua presença em ocupações tradicionalmente masculinas. Mas o inverso não ocorreu e profissões consideradas majoritariamente femininas permanecem com um baixo percentual de homens atuantes.

A constatação é da pesquisadora Regina Madalozzo, do Insper, que comparou na Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, do IBGE) o percentual de mulheres em 21 ocupações entre os anos de 1978 e 2008.

No final da década de 70, menos de um quinto dos advogados e médicos eram mulheres. Hoje, elas são quase metade dos profissionais dessas áreas.

Algumas carreiras seguem altamente masculinas, mas, mesmo nelas, é possível identificar aumento da participação feminina. Entre engenheiros, por exemplo, a proporção foi de 5% para 11%. Entre os motoristas, o número de mulheres continua pequeno --o crescimento de 1978 a 2008 foi de 0,2% para 1,4%. Maria Aparecida Lemos, 40 anos, dirige ônibus há nove anos e afirma que, no começo, alguns passageiros faziam sinal para que ela parasse, mas não subiam.

Ela trabalha na mesma empresa que Maria Machado, 33 anos, que também notou reações estranhas. "No Carnaval passado, turistas pediram para tirar uma foto comigo ao me verem no volante."

Papéis trocados
Se elas demonstram vontade e capacidade de atuar em ocupações onde eram minoria, o mesmo não se deu com os homens em relação a áreas majoritariamente femininas.

Em 30 anos, houve pouca alteração nos percentuais masculinos de enfermeiros, professores, profissionais de creche ou costureiros.

"Embora ganhando menos que os homens nas mesmas ocupações, as mulheres estão entrando em áreas tradicionalmente masculinas. Eles, no entanto, não aceitam, ou não são bem aceitos, em profissões dadas como femininas", afirma Regina Madalozzo.

A desigualdade entre os salários de homens e mulheres diminuiu no Brasil nos últimos 30 anos, mas o diferencial é, quase sempre, favorável aos homens. Dados tabulados a partir da Pnad de 2008 mostram que, de um total de 61 ocupações analisadas, em apenas seis o rendimento das mulheres por hora de trabalho superava o de homens.

Mesmo em profissões em que a participação masculina é inferior a 20%, como o secretariado, o rendimento delas é, em média, menor.

Nas poucas áreas em que as mulheres têm rendimentos maiores, Regina Madalozzo explica que, frequentemente, isso ocorre porque o nível de escolaridade delas é superior ao dos homens na mesma profissão.

Índice

PUBLICIDADE

20/06/2018

Cidade vive insegurança após assassinato de Vitória

Cinquentões serão vacinados contra a gripe no estado

Motocicletas são flagradas a 220 km/h nas marginais

Aplicativo da prefeitura para táxis ainda não decola

19/06/2018

Promotoria investiga cargo para mãe de amigo de Covas

Polícia acha duas digitais em patins usados por Vitória

Ciclovias sem manutenção têm sofá e caçamba na pista

Cobertura de vacinas em crianças é a menor em 16 anos

Rede da prefeitura perde 634 médicos na gestão Doria

18/06/2018

Morador antissocial pode ser multado e até expulso

Garota achada morta pode ter sido vítima de vingança

Bibliotecas têm internet falha e falta de segurança

Capital registra uma queixa de falta d'água a cada seis minutos

Após dez anos, lei seca flagra menos motoristas bêbados

17/06/2018

Doenças de pele aumentam no inverno por ressecamento

Corpo de menina desaparecida é achado em matagal após oito dias

PF usa bituca de cigarro para investigar ataque de facção

Mulheres são maioria nos videogames, diz pesquisa

Bairros da Copa no Brasil vivem expectativas diferentes

16/06/2018

Prefeitura não discute plano de AMAs, dizem conselheiros

Obra da Sabesp abre buracos em casas no Itaim Paulista

Choque mata jovem que usava celular na tomada

Suspeito de participar de sumiço de menina é preso

15/06/2018

Trio assusta passageiros com cobra em trem da capital

Estado faz alerta para o risco da volta do sarampo

Polícia faz ação contra facção após achar pistas em esgoto

Seis motoristas são multados ao dia por usar vaga de idoso

14/06/2018

Justiça condena médico por violação sexual de paciente

Porteiro vira herói ao salvar criança do fogo em prédio

Tribunal aponta falhas no programa Asfalto Novo

Assaltos em terminais de ônibus assustam passageiros

13/06/2018

Miss e namorado PM são procurados por sequestro

Doria e Covas tiram R$ 874 milhões de corredores de ônibus

Liberados fogos barulhentos na capital às vésperas da Copa

Governo de SP põe à venda dados do RG de 30 milhões

12/06/2018

Carro bate em ônibus e mata quatro pessoas da mesma família

Agência recusa revisão, e conta da água sobe 3,5%

Prefeitura doará 23 toneladas de margarina da merenda

Infestação de Aedes alerta três cidades da Grande SP

11/06/2018

Copa traz mais visitantes e altera a rotina de edifícios

Sete corpos são achados em praia do bondinho no Rio

Tráfico supera roubos entre os jovens da Fundação Casa

Venezuelanos recebidos em São Paulo buscam vida nova

Estações reformadas da CPTM têm escadas rolantes paradas

10/06/2018

Remela em excesso pode ser o sinal de alguma doença no olho

Leve smartphone campeão por 12 parcelas de R$ 37,99

Engenheiro é baleado ao reagir a assalto em Perdizes

Aplicativos ajudam idosos no dia a dia e no uso do celular

Quadrilhas mantêm tradição nordestina em São Paulo

Conserto de falha grave em semáforo demora até 5 dias

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).