Nas ruas
17/08/2009

Hospital público faz reversão de vasectomia

Daniela Ortega
do Agora

Com preços que podem chegar a dez salários mínimos (R$ 4.650) em clínicas particulares, a cirurgia de reversão de vasectomia também pode ser realizada em alguns hospitais públicos do Estado.

Na capital, por exemplo, o Hospital Brigadeiro (veja outros locais no quadro ao lado) faz a operação em homens que querem voltar a ter filhos. "Nos países mais desenvolvidos, esse procedimento é rotineiro. No Brasil, ainda não. Mas só não tem mais procura porque as pessoas não sabem que o método pode ser feito gratuitamente em hospitais públicos", afirma o médico Joaquim Francisco de Almeida Claro, urologista do Hospital Brigadeiro.

Segundo o especialista, porém, a cirurgia é mais complexa do que a de esterilização. Por isso, torna-se ainda mais importante que a decisão de fazer uma vasectomia seja bastante pensada. "Quando falamos na reversão usada atualmente, com maiores chances de sucessos, trata-se de uma microcirurgia, feita com microscópio cirúrgico e cuidado comparado ao de operações neurológicas. É um procedimento bastante delicado", afirma.

Por isso mesmo, ela não é feita em todos os hospitais --nem todos possuem os equipamentos necessários. "E é necessário ter uma equipe bem treinada".

Segundo Claro, o profissional precisa fazer um curso específico para estar apto realizar a cirurgia de reversão. E agora mais médicos deverão se preparar para isso, pois, no mês passado, o Conselho Federal de Medicina publicou, no "Diário Oficial da União", normas éticas para a esterilização masculina, determinando que todo médico que realizar a cirurgia deverá estar habilitado para reverter o processo.

Segundo dados do SUS (Sistema Único de Saúde), o número de vasectomias realizadas vem crescendo: foram 1.700 registradas pelo sistema em 2000 e 26 mil no ano passado. E especialistas dizem que o número de homens arrependidos têm elevado. Estimativas apontam que o aumento do número de segundos casamentos é um dos principais fatores que levam ao arrependimento.

Sucesso
A cirurgia pode levar até quatro horas, e as possibilidades de sucesso chegam a quase 100%. "Uma das coisas que interferem é há quanto tempo a vasectomia foi feita. Quanto menos tempo tiver passado, maiores as chances de o homem engravidar a parceira", diz. Após a cirurgia, segundo Claro, leva cerca de seis meses para que o homem produza espermatozoides de qualidade novamente.

100 Serviços

Índice

PUBLICIDADE

17/09/2014

Confronto entre sem-teto e PM paralisa centro da capital

Moradores dizem a CPI que ficam até três dias sem água

Moradores reclamam de falta de iluminação em escadão

Centro vira palco de guerra com bombas e corre-corre

Empresária é assassinada por ladrões na frente dos filhos

Ucranianos jogam deputado no lixo

16/09/2014

Alckmin maquia programa de combate ao crime na TV

Paciente atira três vezes em médico do Sírio e se suicida

Uniforme deixa ciclistas 'nuas'

Motorista invade ponto de ônibus, mata idosa e fere cinco

Base de Haddad na Câmara faz críticas a novas ciclovias

15/09/2014

Diabetes e hipertensão fazem o coração aumentar e perder força

Homem esfaqueia e mata 1 e fere 2 no Terminal Jabaquara

Próximo governo tem de melhorar investigação policial

Motorista atropela ciclista em ciclovia na Braz Leme

Telecentros têm internet lenta e fora dos padrões

Parceria é segredo de melhor escola

14/09/2014

Idoso é queimado vivo em assalto em São Bernardo

Rebelião de 25 horas faz reféns em presídio

Mooca ganha novo parque

Radar vai multar invasão a ciclovias

Pulseira de elástico vira febre entre adolescentes

Lesões e depressão podem contribuir para a dor crônica

13/09/2014

Prefeitura libera todas as faixas de ônibus para táxis

Parque na Mooca com museu do rádio será aberto hoje

Sabesp quer mais água de represa para a Grande São Paulo

Ladrão de 18 anos roubou 80 carros

Pedreiro ataca mulher usando máscara de macaco

12/09/2014

Aumentam reclamações de falta de água na periferia

Paciente de 82 anos critica falta de remédio gratuito

Fotos de meninas são criticadas

Famílias deixam invasão e são levadas a hotéis

Motorista atropela e mata criança e mulher na calçada

11/09/2014

Prefeitura encaminha famílias carentes a prédio invadido

Moradores criticam falta de guias e sarjetas em avenida

Jovem joga celulares fora em roubo e leva tiro na cabeça

Tigre vai estampar prótese de menino

Moradores do Jardim União invadem CDHU e secretaria

10/09/2014

Hospital adia cirurgia por falta de material, diz paciente

Justiça de SP põe culpa em fotógrafo por tiro no olho

Obras da nova ciclovia da Paulista vão durar 6 meses

Mãe salva filho de explosão de avião

Só 16 delegacias atingem meta total de bônus policial

09/09/2014

Passageiros criticam falta de abrigos em pontos de ônibus

Pior escola sofre com falta de professores e violência

Vira-lata salva menina de estupro

Bombeiros dizem ter sido recebidos a tiros em incêndio

Roubos ficam de fora de cálculo de bônus a policiais

08/09/2014

Crescimento da próstata é comum e não significa câncer

Perto da eleição, propaganda irregular invade ruas de SP

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).