Nas ruas
08/03/2009

Sobra pílula do dia seguinte nos postos de saúde

Gabriela Gasparin
do Agora

Sobram pílulas do dia seguinte nas farmácias dos postos de saúde da capital. Somente metade dos remédios disponíveis nas unidades de saúde da prefeitura foram entregues às mulheres entre os anos de 2007 e 2008.

Segundo dados da Secretaria Municipal da Saúde, foram distribuídas para as usuárias da rede municipal 44.981 medicamentos no período, mas a quantidade de caixas disponíveis nas unidades nos dois anos foi praticamente o dobro: 91.827. O motivo, segundo a pasta, é que os medicamentos não foram solicitados pelas usuárias.

A quantidade de medicamento comprados pela rede desde 2005, quando o programa iniciou, também caiu no decorrer dos anos conforme a necessidade.

No primeiro ano, foram entregues 94.428 medicamento nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) da cidade. Em 2006, 2007 e 2008 foram 63.974, 45.823 e 46.004, respectivamente. "A compra é feita conforme a necessidade que a unidade coloca para reposição. Então, se ela tem um estoque que não precisa pedir imediatamente, ela não vai pedir", disse Júlio Mayer, médico da área técnica da saúde da mulher da secretaria. Segundo Mayer, os medicamentos adquiridos em 2005 não foram desperdiçados porque a validade é de três anos.

A secretaria também informou que não é possível contabilizar os medicamentos retirados por pacientes não credenciadas aos SUS (Sistema Único de Saúde). Essas entregas, portanto, não estão inclusas nos números finais.

A pílula do dia seguinte -ou contraceptivo de emergência, como é chamada no meio médico, é o remédio que a mulher pode tomar até 72 horas após a relação sexual para impedir a gravidez.

O medicamento é distribuído gratuitamente em todos os postos de saúde da cidade, informação que, pelos dados do levantamento da secretaria, pouca gente sabe.

Nas farmácias, o preço da pílula do dia seguinte varia entre R$ 10 e R$ 20, em média.

Índice

PUBLICIDADE

21/04/2014

Marcar hora para criança dormir pode evitar insônia na infância

Autônoma precisa do auxílio-doença

Assistente quer achar empresa

Região com maior fila tem menos creches inauguradas

Postos de saúde dificultam a retirada de camisinhas

Dono dorme com cavalo em suíte de hotel

Manhã é melhor para volta do feriado

Paramilitares americanos treinam polícias brasileiras

20/04/2014

Moradores fazem prédios sem planta em Paraisópolis

Atividade física ajuda paciente a ter vida normal após infarto

Aviãozinho que filma vira brinquedo de gente grande

Universidade a distância vai abrir seu 1º vestibular

Médicos doam horas a quem não pode pagar consultas

Suspeita diz ter recebido R$ 6.000 para matar menino

19/04/2014

Passageiro da CPTM enfrenta 1 grande falha a cada 5 dias

Organização reclama de mau atendimento para idosos

Áreas da Eletropaulo têm mato sob fiação

Padre surdo dá confissão pela rede

Dois meses após morte, risco a passageiro persiste no Tietê

Sabesp adia aumento de 5,4% na conta de água

Avó avisou Promotoria que Bernardo corria riscos

Motoristas enfrentam até 64 km de lentidão nas estradas pela manhã

18/04/2014

Shoppings e Sescs têm programação gratuita para toda a família na Páscoa

A cantora Fabiana Cozza presta uma homenagem a mineira Clara Nunes

Festa beneficente leva nove bandas de forró para tocar no Expresso Brasil

"O Menino Maluquinho" vira musical e retrata o mundo da criança

Nando diz a Cadu que mandou investigar Jairo

Universal tem filmes infantis no feriado

Comédias "Copa de Elite" e "Julio Sumiu" estreiam hoje nos cinemas

Sabesp agora prevê multa para quem gastar mais água

CET demora dois anos para pintar lombada, diz morador

Periferia lidera casos de mortes de recém-nascidos

Manhã é o pior período para viajar hoje

Gangue usava Kombi para fazer arrastões na zona leste

Mãe de vítima salva condenado

17/04/2014

Capital vive rodízio noturno de água, afirma prefeitura

Linha demora e tem ônibus velhos, reclamam passageiros

UPA deixa de abrir 24 h por falta de médico em Diadema

Três são mortos após roubo a cantor do Trio Los Angeles

Cientistas testarão sangue artificial

Esquartejado é o motorista de ônibus, diz exame de DNA

16/04/2014

Secretário da Saúde diz que problemas em UPA eram esperados

Falta de iluminação assusta moradores do Jabaquara

Projeto desvia corredor de grandes lojas na zona leste

Pai e madrasta são presos acusados de matar menino

54 são detidos após confronto

Falta de açúcar faz casal brigar

15/04/2014

UPA abre sem ortopedistas e com espera de até sete horas

Fraude muda área de imóvel para diminuir valor do IPTU

Mulher tem seios mutilados ao ser arrastada por carro

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Agora.