Polícia

04/04/2009

Ex mandou matar executivo da Friboi, diz Polícia Civil

Aline Mazzo
do Agora

A ex-mulher do executivo da JBS-Friboi Humberto de Campos, presa na tarde da anteontem, é acusada de ser a mandante do assassinato do marido em dezembro de 2008, segundo a polícia. G.C.C.C.M., 44 anos, não estava conformada com a separação do casal, que acontecera quatro meses antes do crime.

A investigação chegou até o nome de G. após a polícia obter na Justiça a quebra do sigilo telefônico do executivo. Magalhães recebeu uma ligação que partiu do telefone celular de seu filho mais novo, na época com 17 anos, antes do crime, por volta das 21h.

Segundo testemunhas relataram à polícia, a pessoa que ligou para Magalhães disse que seu filho estava passando mal -com ataques de convulsão- na rua Alfenas (zona oeste de SP). "Esse telefonema atraiu a vítima para a cilada", disse o delegado Marcos Carneiro, do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa, que descarta a participação dos filhos no crime.

A polícia tratava o caso como execução, mas os novos indícios indicaram que se tratava de um crime passional. A motivação foi a separação do casal. "Ela não aceitava o fato de o marido estar com outra mulher. Ainda era apaixonada por ele", destaca Carneiro. De acordo com Carneiro, a ex nega o crime.

Magalhães morava com outra mulher quando foi assassinado. Ele estava se divorciando de G., com quem teve dois filhos. O casal, segundo o delegado, tinha um relacionamento bastante conturbado. "Levantamos registros de boletins de ocorrências de brigas entre os dois. Nossa meta é descobrir quem executou o crime, ou seja, o motociclista que atirou no executivo", diz o delegado.

Defesa
O advogado de G.C.C.C.M., Ademar Gomes, afirmou ontem que sua cliente nega qualquer acusação de envolvimento com a morte do ex-marido. "Ela está sendo vítima de alguma armação", afirmou Gomes, sem detalhar quem poderia ser essa pessoa.

O advogado afirma que o telefone do filho mais novo sumiu na véspera do crime e reapareceu recentemente.

Índice

PUBLICIDADE

22/05/2010

PM troca comando da Corregedoria

16/05/2010

Grupo de extermínio é investigado na zona leste

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).