Grana
11/01/2010

Auxílio-doença não suspende direitos trabalhistas

Anay Cury
do Agora

O pagamento de todos os benefícios trabalhistas não deve ser suspenso caso o funcionário se afaste por motivo de doença e passe a receber o auxílio-doença do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Plano de saúde e cesta básica, por exemplo, devem continuar sendo pagos, ainda que o trabalhador esteja sem desempenhar suas atividades.

Esse tem sido o entendimento dos tribunais do trabalho do país. De acordo com recentes decisões, todas as obrigações que a empresa tiver, previstas no contrato de trabalho, continuam valendo, à exceção das verbas salariais.

Os benefícios relacionados à saúde do trabalhador, como vale-farmácia, convênio odontológico e médico --esse último estendido, inclusive, para a família-- devem continuar sendo pagos. No caso de funcionárias que têm filhos pequenos, auxílio-creche e auxílio pré-escola também devem ser mantidos.

  • Leia esta reportagem completa na edição impressa do Agora, nas bancas nesta segunda-feira, 11 de janeiro

Leia Mais

100 Serviços

Índice

PUBLICIDADE

30/06/2015

INSS decide pagar revisão automática de pensionistas

Pedágios ficarão mais caros nas rodovias paulistas

29/06/2015

Conta de luz vai aumentar mais a partir deste sábado

Veja para quem compensa se aposentar pelo fator antigo

Confira dicas para abrir o seu negócio

28/06/2015

Confira dez dicas para viver bem na aposentadoria

Veja quanto seu benefício vai aumentar com a fórmula 85/95

Candidatos estão à espera de concursos

27/06/2015

Juizados decidem que dá para revisar benefício antigo

Lâmpada incandescente deixará de ser vendida

26/06/2015

Governo quer vetar reajuste maior nas aposentadorias

Operadora pode cortar internet do celular

25/06/2015

65.559 segurados receberão atrasados

Deputados aprovam reajuste maior para os aposentados

24/06/2015

INSS não tem data para pagar aposentadorias com 85/95

Câmara deve votar hoje reajuste de aposentados

23/06/2015

Segurado que já fez pedido pode ter benefício integral

Deputados e senadores tentam mudar 85/95

22/06/2015

Saiba como programar a sua aposentadoria integral

Preço da cebola subiu mais de 120% no ano

Consumidores desistem de imóvel por causa da crise

21/06/2015

Confira quanto ganhar com a revisão do Banco do Brasil

Veja os segurados que terão o benefício integral até 2022

Proteja-se dos abusos dos cartões de crédito

20/06/2015

Tire 20 dúvidas sobre o novo fator das aposentadorias

Prévia da inflação é a maior desde 1996

19/06/2015

Saiba quem terá benefício maior com o 85/95 até 2016

Centrais e Senado são contra fator progressivo

18/06/2015

Fator 85/95 dá aposentadoria integral a partir de hoje

Dilma aprova corte no valor do abono do PIS

17/06/2015

Senado marca data para derrubar veto ao fator 85/95

Comissão aprova regra de reajuste do mínimo

15/06/2015

Acerte no pedido ao INSS para revisar seu benefício

Centro de SP tem imóveis pelo Minha Casa, Minha Vida

Saiba cancelar as cobranças indevidas

14/06/2015

Nova fórmula é vantajosa para quem tem salários altos

Dilma estuda alternativas para o novo fator 85/95

Brasileiro corta gastos com comida e beleza

13/06/2015

Poupador do Banco do Brasil ainda pode ganhar revisão

Convênios terão que pagar novos exames

12/06/2015

44.024 receberão atrasados acima de 60 salários mínimos

Governo propõe criar imposto sobre serviços

11/06/2015

Confira como receber os atrasados extras do INSS

Inflação volta a subir e é a maior desde 2003

10/06/2015

Aposentados já recebem benefício maior no juizado

HSBC será vendido e fechará agências no país

09/06/2015

Dilma acha viável fator progressivo na aposentadoria

Venda de veículos é a menor em oito anos

08/06/2015

Saiba como proteger seu nome contra as fraudes

Veja quando fazer acordo com o patrão em processos trabalhistas

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).