Brasil
30/03/2012

Ministro do Supremo quebra sigilo bancário de senador

Folha de S.Paulo

Brasília - O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Ricardo Lewandowski, determinou a quebra de sigilo bancário do senador Demóstenes Torres (DEM-GO), por cerca dois anos, período em que ele foi flagrado em conversas telefônicas com o empresário ligado à exploração de jogos clandestinos, Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira --que foi preso pela Polícia Federal.

Lewandowski é o relator do inquérito sobre Demóstenes apresentado na terça-feira pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel.

Gravações reveladas anteontem pelo "Jornal Nacional", da TV Globo, mostravam o nome do senador do DEM mencionado em conversas em que o bicheiro e integrantes de seu grupo discutiam cifras milionárias.

O ministro pediu ainda ao Senado a lista das emendas ao Orçamento apresentadas por Demóstenes --isso pode indicar que uma de suas linhas de investigação será analisar se o senador utilizou prerrogativas de seu cargo para favorecer Cachoeira.

Ricardo Lewandowski negou, no entanto, pedido do procurador-geral para um depoimento de Demóstenes Torres por entender que ainda não é a hora.

Carlinhos Cachoeira está preso preventivamente desde 29 de fevereiro, após a Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, que desmontou uma quadrilha que explorava máquinas caça-níqueis.

O senador aparece em conversas telefônicas, interceptadas com autorização judicial, com Cachoeira.

Demóstenes admite que recebeu do empresário telefone especial para conversas entre os dois. A Polícia Federal gravou cerca de 300 diálogos entre o senador e o bicheiro.

Resposta

Brasília - Questionado sobre as gravações, o advogado do senador Demóstenes Torres (DEM-GO), Antonio Castro, afirmou que elas não têm valor jurídico e são totalmente nulas. Isso porque o senador só poderia ser investigado com autorização do STF.

As defesas de Cachoeira e de outros presos pela PF não foram localizadas.

Índice

PUBLICIDADE

30/07/2014

Santander demite analista que enviou carta anti-Dilma

29/07/2014

Dilma critica interferência do mercado na eleição

28/07/2014

Petistas criticam boicote de Skaf à campanha de Dilma

27/07/2014

Ajuda financeira de campanha abre crise entre PT e PMDB

26/07/2014

Santander diz que vitória de Dilma vai piorar economia

25/07/2014

Brasil sobe uma posição em ranking de desenvolvimento

24/07/2014

Tribunal condena diretores por compra de refinaria

23/07/2014

Governo reduz previsão de crescimento do país em 2014

22/07/2014

Dilma admite erros de gestão para agradar aliados

Anac investigará aeroporto feito por Aécio em Minas

21/07/2014

Aeroporto não beneficiou familiares, afirma Aécio

20/07/2014

Minas fez aeroporto em terra de tio de Aécio Neves

19/07/2014

SP preocupa campanha de Dilma

17/07/2014

Aécio não tem propostas para a Previdência Social

16/07/2014

Deputados e senadores terão férias de mais de três meses

15/07/2014

Prometemos a Copa das Copas e tivemos, diz Dilma

14/07/2014

Dilma volta a ser vaiada e xingada no final da Copa

13/07/2014

Lula é internado para fazer exame médico em São Paulo

12/07/2014

Justiça de São Paulo confirma a candidatura de Padilha

11/07/2014

Barbosa adia aposentadoria para manter 46 funcionários

10/07/2014

Não imaginei goleada nem no pior pesadelo, diz Dilma

09/07/2014

'Sinto imensamente por todos', diz Dilma após derrota

08/07/2014

Dilma entregará taça e diz que vaias são ossos do ofício

07/07/2014

Campanha começa com ataques a Dilma e ao PT

06/07/2014

Dilma busca interlocutor para acalmar o mercado

05/07/2014

Campanha presidencial deve ter gastos de R$ 1 bilhão

04/07/2014

Dilma entrega casas em dez cidades ao mesmo tempo

Dirceu deixa cadeia e começa a trabalhar para advogado

03/07/2014

Dirceu é transferido e começa a trabalhar hoje

02/07/2014

Serra, Kassab e Suplicy vão disputar uma vaga no Senado

01/07/2014

Partido de Maluf abandona Padilha e dá apoio para Skaf

30/06/2014

Alckmin lança candidatura à reeleição em São Paulo

29/06/2014

Eduardo Campos oficializa candidatura à Presidência

Alckmin adota estilo mais centralizador após crises

28/06/2014

Partido de Kassab abandona Alckmin e apoia Paulo Skaf

Dilma entregará taça ao campeão da Copa do Mundo

27/06/2014

Ministro autoriza trabalho para Delúbio fora da prisão

26/06/2014

STF autoriza que Dirceu trabalhe fora da prisão

25/06/2014

Sarney confirma que desistiu de concorrer em eleição

24/06/2014

Partido quer que Dilma mude o ministro dos Transportes

23/06/2014

Conselheiro é suspeito de ter pago casa com conta secreta

Dilma usa propostas antigas em discurso

22/06/2014

Dilma promete novo ciclo de desenvolvimento no país

21/06/2014

Dilma vai propor governo de mudança com continuidade

20/06/2014

Aprovação a Dilma cai, mas petista lidera disputa eleitoral

19/06/2014

Reunião de Lula com petistas cria mal-estar com Dilma

18/06/2014

Votos brancos e nulos são maioria em disputa no Rio

17/06/2014

Deputados federais elevam gastos com propaganda

16/06/2014

Marinho usou paraíso fiscal para ocultar conta suíça

15/06/2014

Torcida volta a xingar Dilma em jogo em MG

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).