Brasil
22/02/2012

Sigla de Kassab equivale a 5 milhões de votos, diz TSE

Folha de S.Paulo

Estudo do Tribunal Superior Eleitoral aponta que o PSD (Partido Social Democrático) reúne políticos que disputaram vagas de deputado federal em 2010 e receberam um total de 5,1 milhões de votos.

A legenda seria a sétima maior do país se existisse à época da última eleição.

Esse dado será considerado para que o TSE conceda ou não à agremiação acesso ao dinheiro do Fundo Partidário, uma das maiores fontes de receita das siglas.

Idealizado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, o PSD recebeu seu registro definitivo no ano passado. Como nunca disputou uma eleição, tem direito apenas a uma parcela mínima do fundo (R$ 18,5 mil por mês) e alguns segundos do horário eleitoral na TV e no rádio.

O partido tenta reverter a situação na Justiça Eleitoral. Se tiver sucesso, passará a receber cerca de R$ 1,6 milhão por mês do Fundo Partidário --calculado de acordo com o número de votos obtidos por candidatos a deputado federal (eleitos e não eleitos).

Em seguida, o PSD entrará com uma ação para também obter o tempo de TV, nesse caso com base no número de deputados eleitos.

A tese do partido de Kassab é simples. O TSE criou em 2007 a norma da fidelidade partidária: mandatos eletivos passaram a pertencer aos partidos. A partir daí, quem se desligou de uma legenda correu o risco de perder o cargo. Mas há exceções. Uma delas é que o político pode deixar uma sigla para fundar uma nova. "Se a própria Justiça diz que um político pode sair do partido pelo qual foi eleito e fundar um novo, parece natural que esse político leve consigo os votos que obteve", diz o secretário-geral do PSD, Saulo Queiroz.

Não há prazo para que o TSE tome a decisão final.

LEIA MAIS

sobre eleições na pág. A4

Índice

PUBLICIDADE

22/07/2014

Dilma admite erros de gestão para agradar aliados

Anac investigará aeroporto feito por Aécio em Minas

21/07/2014

Aeroporto não beneficiou familiares, afirma Aécio

20/07/2014

Minas fez aeroporto em terra de tio de Aécio Neves

19/07/2014

SP preocupa campanha de Dilma

17/07/2014

Aécio não tem propostas para a Previdência Social

16/07/2014

Deputados e senadores terão férias de mais de três meses

15/07/2014

Prometemos a Copa das Copas e tivemos, diz Dilma

14/07/2014

Dilma volta a ser vaiada e xingada no final da Copa

13/07/2014

Lula é internado para fazer exame médico em São Paulo

12/07/2014

Justiça de São Paulo confirma a candidatura de Padilha

11/07/2014

Barbosa adia aposentadoria para manter 46 funcionários

10/07/2014

Não imaginei goleada nem no pior pesadelo, diz Dilma

09/07/2014

'Sinto imensamente por todos', diz Dilma após derrota

08/07/2014

Dilma entregará taça e diz que vaias são ossos do ofício

07/07/2014

Campanha começa com ataques a Dilma e ao PT

06/07/2014

Dilma busca interlocutor para acalmar o mercado

05/07/2014

Campanha presidencial deve ter gastos de R$ 1 bilhão

04/07/2014

Dilma entrega casas em dez cidades ao mesmo tempo

Dirceu deixa cadeia e começa a trabalhar para advogado

03/07/2014

Dirceu é transferido e começa a trabalhar hoje

02/07/2014

Serra, Kassab e Suplicy vão disputar uma vaga no Senado

01/07/2014

Partido de Maluf abandona Padilha e dá apoio para Skaf

30/06/2014

Alckmin lança candidatura à reeleição em São Paulo

29/06/2014

Eduardo Campos oficializa candidatura à Presidência

Alckmin adota estilo mais centralizador após crises

28/06/2014

Partido de Kassab abandona Alckmin e apoia Paulo Skaf

Dilma entregará taça ao campeão da Copa do Mundo

27/06/2014

Ministro autoriza trabalho para Delúbio fora da prisão

26/06/2014

STF autoriza que Dirceu trabalhe fora da prisão

25/06/2014

Sarney confirma que desistiu de concorrer em eleição

24/06/2014

Partido quer que Dilma mude o ministro dos Transportes

23/06/2014

Conselheiro é suspeito de ter pago casa com conta secreta

Dilma usa propostas antigas em discurso

22/06/2014

Dilma promete novo ciclo de desenvolvimento no país

21/06/2014

Dilma vai propor governo de mudança com continuidade

20/06/2014

Aprovação a Dilma cai, mas petista lidera disputa eleitoral

19/06/2014

Reunião de Lula com petistas cria mal-estar com Dilma

18/06/2014

Votos brancos e nulos são maioria em disputa no Rio

17/06/2014

Deputados federais elevam gastos com propaganda

16/06/2014

Marinho usou paraíso fiscal para ocultar conta suíça

15/06/2014

Torcida volta a xingar Dilma em jogo em MG

14/06/2014

Xingamento na Copa não veio do povo, afirma Dilma

13/06/2014

Grupo do PT quer debater a legalização da maconha

12/06/2014

Preso ex-diretor da Petrobras por ter R$ 51 milhões na Suíça

11/06/2014

Dilma critica pessimistas e defende obras da Copa

10/06/2014

Corpo de Stuart Angel está em base no Rio

09/06/2014

Equipe de Dilma é pessimista sobre chances de Padilha

08/06/2014

Petrobras fez contrato de R$ 649 mi sem licitação

07/06/2014

Ministro do STF vê indícios de propina para deputados

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).