Brasil
10/11/2018

Delatores da JBS e vice de Minas Gerais vão para cadeia

Folha de S.Paulo e UOL

O empresário Joesley Batista, um dos donos da JBS, o vice-governador de Minas Gerais, Antônio Andrade (MDB), o ex-ministro Neri Geller (PP-MT) e o deputado estadual João Magalhães (MDB-MG) foram presos ontem na Operação Capitu, deflagrada pela Polícia Federal e pela Receita Federal.

Houve outros 15 pedidos de prisão temporária (de no máximo cinco dias), inclusive de três delatores do grupo J&F, que controla a JBS: Ricardo Saud (ex-diretor), Demilton Antonio de Castro (então contador da empresa) e Florisvaldo Caetano de Oliveira (auxiliar de Saud), que iria se entregar à noite.

As prisões dos executivos foram necessárias, segundo o delegado Mário Veloso, porque os colaboradores omitiram informações em suas colaborações à Justiça.

Resposta

O advogado de Joesley Batista, Pierpaolo Bottini, afirmou que seu cliente ficou surpreso com o mandado de prisão. Segundo Bottini, não há nenhum fato que Joesley não tenha apresentado às autoridades.

A defesa pediu ao Tribunal Regional Federal em que reconsidere a decisão que determinou a prisão temporária.

"Eu estou entendendo que o delegado da Polícia Federal entendeu que alguns fatos não foram relatados, o que não procede", disse.

"Essa investigação só existe porque os colaboradores tomaram a iniciativa de entregar todos os documentos à Polícia Federal."

"Joesley, Saud e Demilton já depuseram, cada um deles, três vezes na Justiça, e nunca se recusaram a colaborar. Esperamos que a prisão seja revogada assim que esclarecidos os fatos", afirmou o advogado.

A J&F, controladora da empresa JBS, reiterou em nota essa afirmação.

"Causa um imenso estranhamento e consequentemente insegurança jurídica que esses executivos estejam hoje sendo presos pelos fatos que eles mesmos levaram ao conhecimento da Justiça", diz.

A defesa do vice-governador de Minas Gerais, Antônio Andrade, afirmou que se manifestará assim em nota que tomar conhecimento do conteúdo do inquérito.

As defesas de Demilton de Castro, Florisvaldo de Oliveira e de Ricardo Saud também afirmam não houve omissões e que entregaram todas as informações ao conhecimento da Justiça.

A reportagem não localizou as defesas dos demais.

  • Leia esta reportagem completa na edição impressa do Agora, neste sábado, 10 de novembro, nas bancas

Índice

PUBLICIDADE

17/12/2018

Polícia Federal divulga ontem fotos de disfarces de Battisti

15/12/2018

Número de passageiros cai ao patamar do início da década

Governo decide extraditar Battisti, que está foragido

ONG de ministra é acusada de tirar criança indígena de mãe

14/12/2018

Flávio Bolsonaro afirma que não fez nada de errado

Presidente eleito vê deboche contra sua futura ministra

13/12/2018

'Se tiver algo errado, que paguemos', diz Bolsonaro

11/12/2018

Auxiliar fazia saques após depósitos de valor similar

Bolsonaro defende poder popular sem intermediários

10/12/2018

Bolsonaro inicia a segunda fase de transição do governo

08/12/2018

Anúncio do decreto AI-5 completa 50 anos

Bolsonaro chama reunião para tentar colocar paz no PSL

A cada dois dias, ex-assessor de Flávio Bolsonaro fazia saque

07/12/2018

Bolsonaro escolhe pastora para comandar ministério

Grana de ex-assessor de Flávio Bolsonaro é suspeita

05/12/2018

Bolsonaro usa ameaça de volta do PT para ter apoio

04/12/2018

Com Moro, Polícia Federal deve ir para cima de políticos

Governo de Jair Bolsonaro ficará com 22 ministérios

01/12/2018

Fraude com CPF viabilizou uso de WhatsApp na eleição

Polícia Federal abre inquérito para investigar Paulo Guedes

Bolsonaro dá espaço para militares que foram ao Haiti

30/11/2018

Preso, Pezão é acusado de manter esquema de Cabral

Supremo tem maioria para liberar o indulto de Temer

29/11/2018

Se indulto de Temer passar, será o último, diz Bolsonaro

Pena de Palocci diminui e ex-ministro vai para casa

28/11/2018

Moro quer seguir modelo da Lava Jato em ministério

Para guru de Jair Bolsonaro, a esquerda é catastrófica

27/11/2018

Temer sanciona reajuste para ministros do Supremo

23/11/2018

'Não devemos comprar briga que não podemos vencer'

Após polêmica, pasta da Educação terá colombiano

22/11/2018

Escolha para Educação gera crise com bancada evangélica

21/11/2018

Bolsonaro decide manter ministro de Temer na CGU

Justiça sob Sergio Moro quer asfixiar o crime organizado

20/11/2018

Moro leva time da Lava Jato para trabalhar em Brasília

Não se cogita privatização, diz futuro chefe da Petrobras

15/11/2018

Embaixador vai assumir a pasta de Relações Exteriores

Lula questiona Lava Jato e nega acusações sobre sítio

Cuba sai do Mais Médicos por divergir de Bolsonaro

14/11/2018

Procuradoria apura mais um caixa 2 de Onyx Lorenzoni

10/11/2018

Bolsonaro não é a volta dos militares, afirma Villas Bôas

Delatores da JBS e vice de Minas Gerais vão para cadeia

Bolsonaro afirma que vai querer conhecer Enem antes

09/11/2018

Ministros do Supremo dizem que reajuste não é aumento

Deputados do Rio são presos por suspeita de mensalinho

08/11/2018

Senado aprova reajuste para ministros do Supremo

Oficial da Marinha deve ir para a pasta da Defesa, diz Mourão

07/11/2018

Presidente eleito defende Constituição e recebe avisos

Bolsonaro é moderado e sensato, afirma Sergio Moro

06/11/2018

Procuradoria pede urgência para julgamento de Battisti

Estrutura para a transição aponta fusão de ministérios

Mais notícias: 1 2 3 4 5 Próximo

De que você precisa?

Copyright Agora. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br).